terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Espírito do Blog?

Se vocês alguma vez se dispuseram a ler o que está escrito embaixo do título deste blog, verão que ao final do infame texto eu afirmo sem certeza que talvez ou porventura possa vir a ser circense o espírito virtual do mesmo. Sem segurança afirmava isso não só porque eu criei este blog sem propósito nenhum, mas também porque não tinha como fazer nenhuma relação entre o título que eu saquei das linhas do Cervantes e o conteúdo de uma página de internet que eu não tinha a menor idéia de como preencher.

De tal maneira que, embora esteja registrado que possivelmente este blog teria espírito itinerantemente circense, em nenhum momento, em nenhuma postagem você encontrará referência a qualquer palhaço, a qualquer acrobata, nem mesmo a uma estrutura de lona sequer.

O que também se destaca é que, embora este fato seja por si só escancaradamente claro, ninguém sequer notou, ou se notou, não teve a intenção benfazeja de me alertar. Porque, se alguem o tivesse feito, talvez eu me importasse com a consideração e colocaria uma foto de uma lona de circo no blog. Para manter as aparências. Mas não, nem isso!

Eu entendo. Vocês são como eu. Vão entrando nos blogs por aí. Catando freneticamente tudo aquilo que lhes convém, sem deixar um recadinho de agradecimento, umas míseras e gratuitas palavras de consideração. Ingratos!

Só para manter as aparências, segue um retrato que possa representar minimamente o até agora faltante espírito do blog.

Saudações.

Um comentário:

el cuesta cuervo... disse...

fica assim não... pronto, pronto... passou...